Skip to content

Review do Bite Club – TMV

07/11/2011

Ahh Morganville… como eu gosto dessa série.  É sempre novo e refrescante, mesmo quando parece repetido.  Esse livro trata muito mais das relações humanas e vampirescas do que de fato a guerra entre as duas espécies.  Vai muito além do que a briga por poder que existe em Morganville, é uma análise da briga que cada um dos personagens tem dentro de si.  Contra seus traumas, seus dilemas, seus problemas, e é exatamente aí que o livro se torna novo, pois conforme a série progrediu nós podemos ver a ação física dar lugar à psicológica.  Tanto que a cidade inteira é controla por um cérebro!

O livro segue bem a linha da série, mas assim como o anterior, mostra um amadurecimento dos personagens.  Não se vê mais a Eve pulando em uma situação ruim sem ter um plano, ou a Claire com medo dos inimigos.  Os meninos também estão crescidos e compreendem melhor os problemas que complicam suas vidas, e a amizade entre o Shane e o Michael.  Quando eu já tinha lido um terço do livro eu fiquei triste pensando que era previsível, mas depois eu percebi que não é bem assim.

Bite Club alterna entre o ponto de vista da Claire e do Shane, e foi bem interessante saber o que o Shane pensa, mas não necessariamente algo novo, já que ele não guarda muito para si.  E como estou acostumada a ler livros com vários pontos de vista não foi algo muito novo.  Geralmente eu não gosto quando uma série que sempre teve apenas um ponto de vista muda no meio para dois ou mais, mas nesse caso o livro meio que pedia isso.  Para entendermos a capacidade total de um dos vilões era necessário ver os acontecimentos com os olhos do Shane.

É claro que há muitos momentos engraçados e outros tensos e emocionantes como é de praxe para a Rachel Caine.  Os mais cômicos ficam por conta do Myrnin e da Eve.  E o Oliver também contribui, como sempre, com um humor mais negro, é claro.

Para comprar o livro clique aqui.

Descrição:

After discovering that vampires populate her town, college student Claire Danvers knows that the undead just want to live their lives. But someone else wants them to get ready to rumble.

There’s a new extreme sport getting picked up on the Internet: bare- knuckle fights pitting captured vampires against each other-or humans. Tracking the remote signal leads Claire- accompanied by her friends and frenemies-to discover that what started as an online brawl will soon threaten everyone in Morganville…

Tradução livre:

Depois de descobrir que vampiros populam a sua cidade, a estudante de faculdade Claire Danvers sabe que os não-mortos só querem viver as suas vidas.  Mas outra pessoa quer que eles fiquem prontos para agitar.

Tem um novo esporte extremo entrando em moda na Internet: lutas sem luvas entre vampiros capturados uns contra os outros – ou humanos.  Seguindo as remotas pistas de sinal levam Claire – acompanhada de seus amigos e inimigos – a descobrir que o que começou como uma rixa online irá em breve ameaçar todo mundo em Morganville…

O Shane foi muito ingênuo por pensar que uma academia de um vampiro seria um bom lugar para treinar.  Desde o princípio foi uma má idéia, e ele como um residente de Morganville desde sempre deveria ter imaginado que não daria certo!  A partir do momento que ele começou a ir e o vampiro sensei lá deu mais atenção a ele eu já vi que ia ser o problema da vez.

E quando a Claire foi atacada no meio da rua com o Myrnin o livro ficou um tanto previsível para mim.  Eu quero dizer, ficou fácil ver a linha da história.  O Bishop ainda tá vivo e escapou, ele que está por trás na nova academia, ele quer matar todo mundo e os quatro principais devem impedir.  A parte de ação foi exatamente a fórmula dos outros livros de The Morganville Vampires.

A surpresa ficou de fato no outro lado da moeda.  O relacionamento do Shane e da Claire sempre me pareceu muito sólido, ainda mais depois dos últimos livros, mas dessa vez eu realmente achei que eles fossem terminar, e eu ainda não estou convencida que isso não acontecerá no futuro, apesar do sacrifício da Claire.  Eu, como leitora, adorei que ela não foi para MIT, porque isso significaria o final da série, mas eu como mulher, não aceito esse tipo de atitude.  Eu entendo, mas não consigo acreditar que um namoro, por mais importante que ele seja, impeça a chance de uma educação e consequentemente uma vida melhor.

Os ciúmes do Shane do Myrnin deu uma apimentada na história, porque eu nunca acreditei que ele realmente não se preocupasse com a relação da Claire com o vampiro.  É claro que todos acham que existe algo entre os dois, mas eu não acredito que seja algo romântico, eu enxergo mais como uma admiração e vontade de estar próximo de alguém com o intelecto mais próximo do seu.  É desafiante e estimula a Claire a aperfeiçoar seu conhecimento, algo que ela sempre buscou.

O noivado da Eve e do Michael me pegou de surpresa, ainda mais pelas suspeitas do Michael não estar feliz com a novidade.  Eu acho que perdi algo no meio dos livros, tipo um conto do que aconteceu na festa de Boas Vindas.  Porque foi muito randômico.  De repente do nada eles estão noivos e ninguém sabia de nada e ficou completamente sem explicação.

A Glory simplesmente me irritou!  E eu nem sei porquê, já que ela é um tipo de vampira que eu deveria adorar!  Ela usa seu poder para conseguir o quer, mas algo nela me irritou profundamente!  Pode ser porquê ela foi atrás do Shane, ou porquê ela não tinha escrúpulo algum de quem ela manipularia.  Não consigo definir, só sei que eu estava pronta para ver ela morta na segunda cena que a vampira apareceu.

Adorei a Eve se revelando uma esgrimista!  Amo esgrima e foi tão divertido ver a Eve, a Claire, o Oliver e a Amelie praticando que eu até sonhei com esgrisma!  Sim, sonhei!  Exatamente com a cena que a Eve e a Claire estão colocando a roupa especial, mas no meu sonho era eu e uma amiga.  Rá!

O Oliver e a Amelie de certo estão tendo algo.  Acho que o Oliver tá tentando mandar em Morganville em outra capacidade que segundo no comando.  Alguém mais pensou em consorte?

Quando o livro de fato passou para a parte da ação propriamente dita foi o normal de Morganville, mas eu gostei mesmo foi da Amelie ajudando a Claire dando a desculpa que era por Morganville.  A louca da Kim deu o toque de crueldade vampiresca necessária para o livro.  Não tem graça se os vampiros forem bonzinhos ou só fizerem ameaças que nunca se tornam realidade.  Eu gostei de ver a Kim sendo castigada, tentando fugir e sendo mais castigada ainda!

Quando a Amelie disse que ela não pode controlar a Claire eu percebi que ela realmente é uma líder.  É necessária muita coragem para admitir algo assim para uma humana para Amelie.  Ela não só deu poder de fato a personagem principal, ela também presenteou a Claire com o seu respeito.

Eu consigo ver a série acabando, como está previsto, com mais alguns livros, pois The Morganville Vampires sempre foi sobre o crescimento da Claire, e ela está praticamente uma mulher agora.  E os últimos livros tem mostrado isso cada vez mais.

A graça do Bite Club está em justamente mudar nos aspectos que os livros nunca de fato mexeram com tanta intensidade e manter o interesse dos leitores com personagens que cada vez mais cativam e se provam fortes, porém humanos.  O quarteto fangstástico de Morganville realmente serve como exemplos para todos nós pela sua força, coragem, perseverança e criatividade.

2 Comentários leave one →
  1. 07/24/2011 3:04 PM

    [AA] Eu amo essa série e o Myrnin seduz todo mundo! -q
    Mas, ei, aonde vc conseguiu o livro? Porque eu estou tentando achar o ebook traduzido de Ghost Town e Bite Club há eras e não acho em lugar nenhum .-. to entrando em depressão já. Será que dá pra me mandar o link ou por email ou algo assim? Pls?
    Obrigada de qualquer modo ;* Amei a resenha.

  2. Sucker For Vampires permalink*
    07/24/2011 3:54 PM

    eu comprei os livros. Simples assim🙂
    Sobre links para download: https://suckerforvampires.wordpress.com/2010/01/03/sobre-links-para-download/

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: